domingo, 20 de agosto de 2017

Operação Fecha Batalhão: SDS faz ação em Goiana contra violência

Polícias Civil e Militar estão atuando em uma ação conjunta no município; Será apresentado ainda inquérito do latrocínio que vitimou Evaldo Neto, no dia 10 de agosto

Em meio à onda de violência na cidade de Goiana, Mata Norte, que resultou na morte do jove Edvaldo Neto, 21 anos, no último dia 10 de agosto, a Secretaria de Defesa Social (SDS) fará uma ação conjunta com os polícias Civil e Militar na região nesta segunda-feira (21).

Serão descolados 43 policiais militares para atuar na operação Fecha Batalhão, quando todo o efetivo policial, incluindo quem realiza trabalhos internos são escalados para ir às ruas reforçar o policiamento. Serão montados bloqueios nos pontos considerados críticos da cidade.

Já a Polícia Civil reforçará as atividades com a delegacia móvel, que ficará estacionada no centro da cidade, e o acréscimo de cinco equipes – 15 policiais – para atender a população e apoiar as atividades da PMPE, além da instruções de inquéritos.

INQUÉRITO

Nesta segunda (21) também será apresentada a conclusão do inquérito do latrocínio que vitimou Edvaldo Neto, no município. O inquérito deve ser enviado à justiça na terça (22), com o indiciamento de seis pessoas, quatro delas já presas. Os pais do jovem deram entrevista exclusiva esta semana ao Jornal do Commercio e falaram sobre os sonhos deixados pelo filho.

 
-
-
Todos os direitos reservados à Anderson Pereira. Obtenha prévia autorização para republicação.
-