quarta-feira, 8 de junho de 2016

Economia: Empresas automotivas superam desafios

Na direção oposta dos números negativos, algumas companhias mantém investimentos

Os números do setor automotivo revelam o tamanho dos desafios que as empresas do segmento precisam enfrentar para manter bons resultados.  De acordo com a Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos (Anfavea), de janeiro a março deste ano, a produção de veículos caiu quase 30%. Já as vendas sofreram retração superior a 25%, nos primeiros meses deste ano, em comparação ao mesmo período de 2015, de acordo com a Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave).

Em Pernambuco, as empresas esperam um cenário mais favorável nos próximos meses, diante das perspectivas de retomada da economia. “A esperança é que as vendas comecem a melhorar nos próximos meses”, avalia o presidente da Fenabrave Regional, Bruno Tude.

Mesmo diante do enfraquecimento do mercado, algumas empresas têm conseguido bons resultados. O Jeep Renegade, por exemplo, é o décimo carro mais vendido do País, de acordo com levantamento recente da Fenabrave. O modelo é fabricado na fábrica da marca em Goiana, Zona da Mata Norte de Pernambuco.

A planta industrial, pertencente à FCA- Fiat Chrysler Automobile, tem capacidade de produzir até 250 mil veículos por ano. “a FCA - Fiat Chrysler Automobiles que construiu em Goiana a mais moderna fábrica do grupo no mundo, na qual são produzidos o Jeep Renegade e o Fiat Toro, dois sucessos de vendas fabricados pelo talento pernambucano”, diz o diretor da marca Fiat para a América Latina, Carlos Eugênio Dutra.

No Brasil, a Fiat tem uma fábrica instalada em Betim (MG), desde 1976, com capacidade produtiva de 800 mil veículos ao ano. Além do Renegade, a planta local, que completou um ano de operação recentemente, também fabrica o Fiat Toro.

Revendedora da marca Fiat no Recife, a concessionária Italiana busca reter os consumidores com um atendimento diferenciado. “É importante investir numa relação mais próxima com a clientela”, enfatiza a gerente de veículos novos e vendas corporativas, Gilvana Elias. A Autonunes, revendedora da marca Chevrolet, ampliou investimentos em marketing em aproximadamente 20% para aquecer os resultados. Já a América Ford, mantém boas expectativas para os negócios. “A montadora manteve investimentos nos lançamentos dos veículos nos próximos cinco anos”, avalia o diretor comercial, Tércio Lopes.

FolhaPE

0 Comentários:

Postar um comentário

Os comentários aqui postados expressam a opinião
dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do Blog do Anderson Pereira.

 
-
-
Todos os direitos reservados à Anderson Pereira. Obtenha prévia autorização para republicação.
-