sexta-feira, 12 de fevereiro de 2016

Polícia: Mulheres são acusadas de tentar entrar com droga na Cadeia Pública de Goiana

Três mulheres foram detidas tentando entrar com maconha em um estabelecimento prisional, na última terça-feira (12), no município de Goiana, na Mata Norte de Pernambuco. Segundo a polícia, Taisa de Santos Souza e Flayne Richelles dos Santos Alves Ferreira, ambas de 19 anos, tentaram entrar com 03 trouxas de maconha na Cadeia Pública de Goiana. A droga estava escondida em um produto para cabelo e seria entregue para o detento Jonathan Adolfo da Silva, preso no último dia 01 de fevereiro, acusado por tráfico de drogas em Povoação de São Lourenço, na zona rural da cidade.

Durante o flagrante, as mulheres confessaram que foram orientadas por Patrícia Silva de Souza, de 23 anos e irmã do detento Jonathan, a entregar a droga pra ele. Os policiais seguiram até a residência de Patrícia e conseguiram prendê-la em Barra de Catuama, enquanto tentava fugir para uma casa em Igarassu, na Região Metropolitana do Recife, junto com seu padrasto, Robson Alves de Lima.

Taisa ainda confessou que existia uma trouxa de maconha - no qual daria pra confeccionar aproximadamente 10 papelotes da droga -, escondida no Bar da Morena, que foi localizado e apreendido posteriormente.

A ação foi realizada por Policiais Militares do GATI da 3ª Companhia Independente de Goiana, com apoio da GT11312.

Todos os envolvidos foram encaminhados para a Delegacia de Polícia de Goiana. Patricia e Flayne foram liberadas, mas um inquérito por portaria foi aberto contra elas. Taisa foi autuada em flagrante delito e recolhida para a Colônia Penal Feminina do Bom Pastor, no Recife.

0 Comentários:

Postar um comentário

Os comentários aqui postados expressam a opinião
dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do Blog do Anderson Pereira.

 
-
-
Todos os direitos reservados à Anderson Pereira. Obtenha prévia autorização para republicação.
-