sexta-feira, 4 de dezembro de 2015

Obras por conta própria: "Ele prometeu, mas não cumpriu", dizem moradores sobre promessa de campanha do prefeito Fred Gadelha


Os moradores dos Loteamentos Guedes e Expedicionário Henrique Fenelon de Barros realizaram, por conta própria, obras de calçamento em sua comunidade, na última semana, no centro do município de Goiana, na Mata Norte de Pernambuco (Confira as imagens abaixo).

Segundo informações repassadas para o whatsApp do Blog do Anderson Pereira, os moradores não aguentavam mais tanta buraqueira e poeira, e mesmo sendo promessa de campanha do prefeito Fred Gadelha, eles se reuniram e conseguiram fazer a obra de calçamento nas localidades.

"Já que a Prefeitura Municipal de Goiana não faz nada, os vizinhos se reuniram para amenizar a situação da rua. Durante a campanha, Fred esteve aqui e disse que iria calçar, mas ele prometeu e não cumpriu. Vivemos há anos em meio a lama, poeira e buraqueira. Nossos filhos e idosos são os que mais sofrem com isso. Tivemos que fazer uma cotinha e colocar a mão na massa pra fazer algo que já pagamos por isso. É uma vergonha pra Goiana!", disse uma moradora do Loteamento Guedes.

Os moradores do Loteamento Expedicionário também acabaram fazendo o serviço por conta própria, cansados de esperar alguma melhoria pela Prefeitura de Goiana. Os munícipes ainda informaram que já haviam procurado a Secretaria de Obras, mas não tinham conseguido falar com a secretária, uma vez que ela trabalha para a Prefeitura de Petrolina e só aparece em Goiana nas quintas e sextas.

Outras denúncias e flagrantes poderão ser enviados para o whatsApp do Blog do Anderson Pereira, através do número: (81) 9.9292-6725.

Outras denúncias e flagrantes poderão ser enviados para o whatsApp do Blog do Anderson Pereira através do número: (81) 99292-6725.

0 Comentários:

Postar um comentário

Os comentários aqui postados expressam a opinião
dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do Blog do Anderson Pereira.

 
-
-
Todos os direitos reservados à Anderson Pereira. Obtenha prévia autorização para republicação.
-