terça-feira, 3 de novembro de 2015

Segredo: Novo Jeep nacional estreia em 2016



Segundo modelo nacional da marca será revelado no primeiro trimestre; Renegade terá versão esportiva de 300 cv

A Jeep já está finalizando os preparativos para lançar seu segundo SUV. Este novo modelo será maior que o Renegade e menor que o Cherokee, e vai substituir de uma vez só os atuais Compass e Patriot. Seu lançamento mundial está previsto para meados de 2016, durante o Salão de Nova York, que acontecerá em março. Mas no Brasil ele só deve chegar no final do ano, no Salão do Automóvel de São Paulo. A primeira aparição pública, no entanto, deve acontecer em janeiro no Salão de Detroit (EUA).

Ele ainda não tem nome definitivo (internamente, ele é conhecido pelo código 551). Mas é provável que ele se chame Compass e seja apresentado como uma nova geração do utilitário que, nos Estados Unidos, é o mais vendido dos dois que ele substitui. O novo Jeep será produzido no Brasil, em Goiana (PE) e exportado para lá. Atualmente, o 551 ainda roda em testes de engenharia, mas seu design está finalizado e aprovado. Quem o viu de perto diz que ele parece um mini-Grand Cherokee. No que diz respeito à motorização, no Brasil, ele deverá reeditar a solução adotada no Renegade, com motores 1.8 flex e 2.0 diesel, acompanhados de tração 4x4 e câmbios manual de seis marchas e automático de nove velocidades. Mas poderá trazer também uma nova opção 2.4 flex.

Já o Renegade ainda está em processo de lançamento em diversos países. Mas por aqui e em outros mercados onde ele já estreou, a Jeep prepara as próximas novidades. No Brasil, a família vai aumentar com a chegada de uma edição especial, chamada Limited, que terá mais equipamentos de série que a Longitude. O motor será 1.8 flex.

Enquanto isso, na Europa, a FCA trabalha sobre uma versão apimentada do Renegade, com cerca de 300 cv de potência. Essa configuração será batizada como Trackhawk, nova identificação dos SUVs superesportivos da marca - que antes recebiam o selo SRT (Street Racing Technology), agora exclusivo dos Dodge. O Renegade Trackhawk será produzido na fábrica italiana de Melfi, de onde sairá também a versão Abarth do 500X. O lançamento desses dois está previsto para 2018. O Trackhawk terá visual agressivo e a suspensão rebaixada, entre outras características, e os 300 cv virão de uma nova versão biturbo do motor Tigershark 2.4.

QuatroRodas

0 Comentários:

Postar um comentário

Os comentários aqui postados expressam a opinião
dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do Blog do Anderson Pereira.

 
-
-
Todos os direitos reservados à Anderson Pereira. Obtenha prévia autorização para republicação.
-