domingo, 7 de dezembro de 2014

Economia: Prefeitura de Itaquitinga perde liminar e terá que demitir pessoal

Depois de sofrer com a queda no repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), paralisação das obras do CIR -, cujas empresas deixaram de repassar bilhões em ICMS -, o município de Itaquitinga atravessa mais um perrengue, que afeta diretamente a sua economia. Desde novembro, a prefeitura perdeu a liminar que garantia o repasse de aproximadamente R$ 1,4 milhão mensais pela passagem da tubulação de gasoduto, que representa uma série de riscos à população. Agora, mais do que nunca, o município terá que refazer todo o seu planejamento orçamentário, continuar demitindo pessoal (até reduzir em 50% a folha de pagamento) e suspender algumas obras que estavam sendo tocadas. Segundo o secretário de Finanças, Djalma Antônio, a situação econômica da cidade regrediu como há dez anos. Agora, restará ao município captar recursos, via União, para tentar se restabelecer. A única questão positiva é que Itaquitinga está limpo com o Cauc. È este o “belo” exemplo de interiorização do desenvolvimento?

Caso as obras do CIR fossem retomadas, a economia local tomaria um novo fôlego.  Mas o Estado sequer sabe quem está responsável pela lendária construção.

Fonte: Folha de Pernambuco

0 Comentários:

Postar um comentário

Os comentários aqui postados expressam a opinião
dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do Blog do Anderson Pereira.

 
-
-
Todos os direitos reservados à Anderson Pereira. Obtenha prévia autorização para republicação.
-