quinta-feira, 15 de novembro de 2018

Saúde: Alimentação saudável e atividade física ajudam na prevenção da Diabetes

Pressão alta, excesso de peso, gordura abdominal, sedentarismo e histórico familiar de diabetes estão entre os principais fatores de risco para o desenvolvimento de diabetes tipo 2, segundo a Sociedade Brasileira de Diabetes. Para detectar e tratar corretamente o problema é importante consultar o médico periodicamente e fazer os exames de controle. O Dia Mundial do Diabetes, comemorado em 14 de novembro, procura alertar sobre a doença, as formas de prevenção e a importância do tratamento adequado.

O estilo de vida atual, associado à urbanização, acaba sendo um fator importante para influenciar o desenvolvimento do diabetes tipo 2. A Federação Internacional de Diabetes (IDF), que lidera a campanha de conscientização e prevenção, sinaliza algumas medidas para reduzir as chances de desenvolver a doença. Ensaios clínicos de diferentes partes do mundo, incluindo Finlândia, EUA, China e Índia, estabeleceram que a mudança do estilo de vida com atividade física e uma dieta saudável pode prevenir ou atrasar o aparecimento do diabetes tipo 2.

Atividade física - A IDF recomenda atividade física pelo menos entre três e cinco dias por semana, durante um mínimo de 30 a 45 minutos . Com o gasto de energia, o organismo usa o açúcar do sangue mais rapidamente. Pesquisas também já mostraram que a atividade física favorece o humor, o sono e a disposição para outras atividades, além de evitar doenças cardiovasculares e até degenerativas, como o Mal de Alzheimer.

Alimentação saudável – As recomendações do IDF mostram mudanças simples para conquistar uma dieta saudável. Escolher água, café ou chá em vez de suco de frutas industrializados, refrigerantes ou outras bebidas açucaradas. Preferir pães, arroz e massas integrais, dar preferência a gorduras insaturadas, como azeite de oliva e óleo de milho e optar por cortes magros de carne, aves ou frutos do mar, evitando carne processada, são outros exemplos. Consumir diariamente três porções de vegetais e três porções de frutas frescas, também são recomendações da IDF.

Portanto, adotar um estilo de vida saudável traz benefícios diretos, não só em relação ao diabetes, mas para promover ganhos efetivos de qualidade de vida. A suplementação dietária é outra aliada, porque apresenta impacto positivo na saúde em geral. Por exemplo, a suplementação com ômega 3, que contém os ácidos DHA e EPA, é um dos ingredientes de prevenção sinalizados nas diretrizes da Sociedade Europeia de Arteriosclerose e da Sociedade Europeia de Cardiologia. Recentemente a BASF lançou uma nova tecnologia, o Accelon™, que poderá ser usado pela indústria em suplementos, e que aumenta a absorção de ômega 3 em quatro vezes e não depende do consumo junto à alimentos para ser absorvido pelo organismo como os tradicionais do mercado.

 
-
-
Todos os direitos reservados à Anderson Pereira. Obtenha prévia autorização para republicação.
-