domingo, 25 de março de 2018

Negócios: Em busca de maior competitividade, Associação Super Recife é criada e reúne empresários e fornecedores de PE

Associação é dedicada à gestão de compras supermercadista e tem como objetivo unir forças para comprar mais e melhor, e oferecer preço justo ao consumidor

A Associação Super Recife, associação dedicada à gestão de compras supermercadista do estado de Pernambuco, promoveu o seu primeiro grande encontro com empresários e fornecedores, na última quinta-feira (22), na cidade do Recife. O evento reuniu cerca de 80 empresários e fornecedores de todo o estado.

Fundada pelo empresário Flávio Monteiro Borba, popularmente conhecido como "Borbinha do Varejão Goianense", o objetivo da Associação Super Recife é unir forças para comprar mais e melhor, e oferecer preço justo ao consumidor, além de gerar empregos e impostos, gerando assim o crescimento e desenvolvimento de todos os seus associados, bem como contribuir direta e indiretamente no desenvolvimento da sociedade pernambucana.

"Nos últimos anos vários empresários do segmento de supermercados varejistas não conseguiram um preço competitivo para seu consumidor e tiveram que demitir milhares de pessoas e fechar suas portas em inúmeras unidades no estado de Pernambuco. A Associação Super Recife chegou para inovar e buscar uma maior competitividade frente os grandes supermercados do país que acabam tendo preços melhores, pois adquirem grandes quantidades de mercadorias com seus fornecedores. E Pernambuco era um dos poucos estados que ainda não havia essa união de compras através de uma associação. Por isso, acreditamos no sonho da união para o bem maior, pois juntos somos mais fortes", declarou Borba.

De acordo com Flávio Borba, cerca de 100 empresários estão participando da Associação Super Recife, representando mais de 300 lojas e 30 mil funcionários em 47 municípios, espalhadas pelo Agreste, Sertão, Mata Norte, Mata Sul e Grande Recife. Os participantes movimentam atualmente mais de 2 bilhões de reais por ano no Estado.

A Usina Petribu S/A (fabricante de açúcar e álcool) e Produtos Pérola (fabricante de feijão e arroz) foram os fornecedores a negociarem neste primeiro ato.

A primeira rodada de compras foi um verdadeiro sucesso.

Flávio Borba disse que ações inovadoras como esta possibilitam uma maior capacidade de sobrevivência, empregabilidade e o fortalecimento do segmento supermercadista no Estado. "Todos os envolvidos puderam fechar parcerias e adquirir produtos com excelentes descontos, possibilitando assim uma maior competitividade na comunidade e região em que atuam", afirmou.

O empresário também assegurou previamente a participação de novos fornecedores nos próximos encontros, que serão realizadas sempre uma vez ao mês, no Recife.

 
-
-
Todos os direitos reservados à Anderson Pereira. Obtenha prévia autorização para republicação.
-