segunda-feira, 23 de junho de 2014

Goiana: Polícia prende trio acusado de assaltar bar em Atapuz

Segundo a PM, os três vinham realizando assaltos na região há alguns meses

Três ajudantes de pedreiro foram presos em flagrante pela Polícia Militar após assaltarem um bar no início da noite deste sábado (21), na Rua da Praia, em Atapuz, distrito de Goiana, na zona da Mata Norte de Pernambuco. Jonas Marcolino da Silva, conhecido por "Tutu", de 19 anos, Antônio Wellington de Souza Gomes, vulgo "Baixinho", de 25, e Fernando Cesar dos Santos, conhecido por "Bigode", de 29, foram presos quando voltavam de canoa pra Itapissuma, na Região Metropolitana do Recife, onde moram.

Segundo a PM, os três ajudantes de pedreiro se passaram por pescadores e assaltaram um bar em Atapuz. Na tentativa de enganar os policiais, o trio afirmou que teria ido pescar na praia de Atapuz, em Goiana, mas no caminho decidiram assaltar o estabelecimento. Eles foram presos quando desembarcavam de uma canoa, portando vários aparelhos celulares, relógios, dois cheques, um amplificador, uma torre de som, um aparelho de DVD, garrafas de bebida alcóolica e a quantia aproximada de R$ 600, em espécie. Em poder deles, ainda foram apreendidos dois revólveres, com onze munições intactas. O trio vinha realizando assaltos na região há alguns meses. Depois de cada investida, eles fugiam de barco.

A prisão foi realizada por Policiais do Grupo Tático de Apoio Itinerante (GATI), do 17º BPM/PE e por policiais militares da 3ª Companhia do 2º BPM/PE (GT 11315 - Tejucupapo).

Os assaltantes não reagiram e foram encaminhados para a Delegacia de Itamaracá, onde foram recolhidos ao Centro de Observação e Triagem Professor Everardo Luna (Cotel), em Abreu e Lima, pelo crime de assalto qualificado.

ANTONIO WELLINGTON

FERNANDO CESAR

JONAS MARCOLINO
 
-
-
Todos os direitos reservados à Anderson Pereira. Obtenha prévia autorização para republicação.
-