sábado, 12 de agosto de 2017

Goiana: Polícia apreende adolescente que havia escondido arma utilizada em latrocínio

Crime aconteceu na quinta-feira (10). Segundo a polícia, roubo do carro foi encomendado por elemento que está em presídio. Edvaldo Neto, de 21 anos, foi sepultado nesta sexta.

A polícia localizou, na tarde desta sexta-feira (11), a arma utilizada no assalto que resultou na morte do jovem Edvaldo José Valença da Silveira Neto, de 21 anos, em Goiana, na Zona da Mata Norte de Pernambuco. Um adolescente e um homem já foram detidos acusados de envolvimento com o crime, ocorrido na quinta-feira (10).
Segundo os investigadores, a arma se trata de um revólver calibre 38, que foi entregue por um dos foragidos a um adolescente de 15 anos, que escondeu a arma em um terreno afastado do centro da cidade. Um boletim de ocorrência foi registrado e o adolescente que escondeu a arma vai responder em liberdade por ocultação de arma de fogo.
As investigações são lideradas pelo delegado Thiago Uchôa da 44ª Delegacia de Goiana. Mais cedo, o policial já havia adiantado que os acusados estavam em busca do veículo da vítima para trocar por drogas, que receberam a ordem de um detento do presídio de Igarassu, no Grande Recife.

Leia também:
Segundo envolvido no latrocínio de estudante é preso
Veículo utilizado em latrocínio é apreendido abandonado em canavial
Acusado de matar estudante de 21 anos em Goiana é preso
Rapaz de 21 anos é morto a tiros em plena luz do dia em Goiana
Foragido da justiça é preso com arma de fogo em Goiana

O mandante é um criminoso "bastante atuante na região", de acordo com Thiago Uchôa. A tentativa de assalto aconteceu por volta das 12h30, na Rua Marechal Deodoro da Fonseca (Rua Direita), no Centro da cidade, na quinta. O jovem estava dirigindo no momento da abordagem. Ele bateu em uma árvore após ser baleado.

A ação foi realizada por aproximadamente quatro homens que estavam em um carro. Dois desceram do carro. O adolescente detido nesta manhã estava dirigindo o veículo. Edvaldo, conhecido em Goiana como Netinho, ainda tentou escapar e acelerou o carro. A vítima foi atingida na cabeça. Depois de atirar contra a vítima, os criminosos conseguiram fugir.
Poucas horas após o crime, as polícias Civil e Militar prenderam o acusado de efetuar o disparo que matou Ednaldo. Ele foi detido na mesma cidade e teria confessado a participação na tentativa de assalto.

As polícias Civil e Militar seguem na busca dos demais envolvidos no caso que estão foragidos. Um deles é Tiago Gomes da Silva, de 31 anos, que tinha sido preso em flagrante em maio de 2016 por tráfico de drogas e associação, mas foi liberado em junho deste ano. O outro é Rhavy Felipe dos Santos Lacerda, de 20 anos, que já respondeu por atos infracionais semelhantes aos crimes de roubo, tráfico de drogas e violência doméstica, além de já ter sido preso por tráfico de drogas na Paraíba.

Enterro
Evaldo Neto foi sepultado na manhã desta sexta-feira (11), em uma cerimônia marcada pela emoção. Parentes, amigos e moradores da cidade compareceram ao cemitério. A família preferiu não falar com a imprensa.

Fonte: G1
 
-
-
Todos os direitos reservados à Anderson Pereira. Obtenha prévia autorização para republicação.
-