terça-feira, 27 de dezembro de 2016

Cultura: Mostra Canavial de Cinema contempla oito cidades da Mata Norte de Pernambuco

Em comunidades praieiras, quilombolas e assentamentos, o festival expande atividades em 2017 com uma programação de filmes, oficinas, debates e apresentações musicais.

A Mostra Canavial de Cinema chega a sua sexta edição e contempla oito cidades da Zona da Mata Norte de Pernambuco. Condado, Goiana, Tracunhaém, Lagoa do Carro, Nazaré da Mata, Vicência, Aliança e São Vicente Ferrer receberão, entre os dias 10 e 29 de janeiro, o festival. Com uma ampla programação gratuita, além das exibições alinhadas com a temática “Cinema e Guerrilha”, com curadoria de Fabrício Cordeiro, a Mostra expande as atividades e leva aos municípios, oficinas, debates e apresentações musicais. A Mostra é realizada pelo Núcleo de Produção Engenho Digital (NPED), com apoio do SESC e incentivo do Governo de Pernambuco através do Fundo Pernambucano de Incentivo à Cultura (Funcultura).
Realizado desde 2011, com coordenação de Caio Dornelas, o Festival divide as exibições em dois programas que serão exibidos em todas as cidades: “Do Canavial para o Mundo” “Do Mundo para o Canavial”. Entre as películas, destaque para “Mata Norte”, dirigido por Tuca Siqueira, que apresenta o contraste entre a tradição do folclore indígena de Goiana, Zona da Mata Norte, e a promessa de desenvolvimento da fábrica da FIAT. “O delírio é a redenção dos aflitos”, do diretor pernambucano Felipe Fernandes, curta com maior número de premiações pelo júri no Festival de Brasília e selecionado para a Semana da Crítica de Cannes, aborda através do cinema, a guerrilha diária de uma mãe, dividida entre o trabalho diário e o risco de desabamento de um prédio-caixão.

“Couro de Gato”, filme carioca da década de 1960, dirigido por Joaquim Pedro de Andrade, entra num realismo lírico, numa síntese de ficção e documentário, conta a história de garotos que moram numa favela e, às vésperas do carnaval, roubam gatos para os fabricantes de tamborins. Também foram selecionados curtas de diversos estados brasileiros, como Minas Gerais, Ceará, São Paulo e do Distrito Federal.
GOIANA – Num dos principais pólos do festival, toda a programação está inserida no “6º Encontro do Arranjo Produtivo Local em Audiovisual", realizado em paralelo com a Mostra desde sua primeira edição. Para este ocasião, o festival recebe cerca de 30 produtores, realizadores, artistas, estudantes, cineclubistas (que também promovem um encontro dos Cineclubes da Zona da Mata), e o público interessado no desenvolvimento do audiovisual na região.

Na praia de Atapuz, local de realização da Mostra em Goiana, outras atividades serão realizadas, como a sessão especial intitulada “Made in Mata Norte”, que exibirá os títulos: “Painho e o trem”, de Mery Lemos; “Banda Saboeira – A história que nos contam” e o videoclipe da música “Cinza Talvez”, de Valfrido Santiago e Arreboque. Ainda em terras goianenses, será exibido o curta “Pedro Osmar, pra liberdade que se conquista”, seguido de um pocket show do músico, fundador do Jaguaribe Carne, notório grupo-manifesto musical paraibano da década de 1970, por onde passaram artistas como Chico César e Paulo Ró.

O momento também é reservado ao lançamento do livro “Direções: relatos do cinema pernambucano contemporâneo” da cineasta Alice Gouveia, além de um bate-papo com Ivan Moraes, militante do direito à comunicação e recém-eleito vereador da cidade do Recife num papo sobre a importância do cinema de guerrilha na luta dos direitos humanos.
RESULTADOS - A cidade de Goiana ainda receberá uma oficina de elaboração de projetos na área audiovisual, ministra pela jornalista e gestora Carla Francine, que entre 2007 e 2014, foi coordenadora do setor audiovisual da Fundarpe. A importância desta ação vem trazendo resultados e apresentando uma nova realidade cinematográfica para a Mata Norte. Este ano, foram contemplados oito projetos no Funcultura, somando um montante de aproximadamente 500 mil reais injetados na produção audiovisual da Mata Norte. “As aprovações destes projetos no Funcultura 2015/2016 são frutos de um processo longo de busca de aprendizados e amadurecimento de cada etapa do processo criativo. Desde o ano de 2009, com o início do Iapôi Cineclube, que venho participando de capacitações na área de audiovisual e, naturalmente, cheguei no processo de produção de conteúdo. O massa dessa história toda é que o amadurecimento profissional me levou a resultados positivos como a própria Mostra Canavial de Cinema e produção de vídeos com conteúdos próprios de Goiana e da Zona da Mata Norte”, comentou o idealizador do festival Caio Dornelas.

Em Nazaré da Mata, a Mostra acontecerá no Assentamento Camarazal do MST. O local, que foi cenário há aproximadamente 20 anos de uma massacre aos moradores da região, hoje é símbolo de resistência e um dos principais pólos da Mostra Canavial de Cinema. Além da oficina de elaboração, o fotógrafo Ernesto Rodrigues ministrará um curso de fotografia para o público local.
:: PROGRAMAÇÃO COMPLETA ::
10 A 29 DE JANEIRO DE 2017
MOSTRA OFICIAL

DO CANAVIAL PARA O MUNDO:
- Rapsódia para o Homem Negro (Gabriel Martins, MG, 2015, 24’)
- Couro de Gato (Joaquim Pedro de Andrade, RJ,  1960, 12’)
 - Comand Action (João Paulo Miranda Maia, SP, 2015, 13’)
- O Delírio é a Redenção dos Aflitos (Felipe Fernandes, PE, 2016, 21’)
- Mata Norte (Tuca Siqueira, PE, 2015, 24’)

DO MUNDO PARA O CANAVIAL:
- Rap, O Canto da Ceilândia (Adirley Queirós, DF, 2005, 15’)
- Do Portão pra Fora (Letícia Bina, SP, 2016, 16’)
- Estado Itinerante (Ana Carolina Soares, MG, 2016, 25’)
- Entretempos (Frederico Benevides e Yuri Firmeza, CE, 2015, 8’)
- Na Missão, com Kadu (Aiano Bemfica, Kadu Freitas & Pedro Maia de Brito; MG/PE, 2016. 28’)

·         SESSÃO ESPECIAL: MADE IN MATA NORTE
- Painho e o Trem (Mery Lemos, PE, 2016, 20’)
- Banda Saboeira, a história que nos contam (André Pina, PE, 2016, 24’)
- Videoclipe da música “Cinza Talvez”, do artista Valfrido Santigo e Arreboque (Raphael Urbano, PE, 2016, 4’)

·         SESSÃO ESPECIAL: PEDRO OSMAR: PRÁ LIBERDADE QUE SE CONQUISTA (Eduardo Consonni e Rodrigo T. Marques, SP, 2016, 76’)

CONDADO
10 DE JANEIRO
Local: Avenida Olegário Fonseca, S/N (Em frente ao Centro Cultural
19h | Do Canavial para o Mundo
11 DE JANEIRO
19h | Do Mundo para o Canavial

GOIANA
Local: Praça de Atapuz - Em frente à igreja de São Benedito
12 DE JANEIRO
19h | Do Canavial para o Mundo

13 de JANEIRO
19h | Do Mundo para o Canavial
21h | Apresentação musical: Coco do Yá

6ª Encontro do Arranjo Produtivo Local em Audiovisual
Local: Pousada Atapuz
14 DE JANEIRO
9h às 12h |Oficina: Elaboração de Projetos na Área de Audiovisual - Da Ideia ao Produto Cultural
13h30 às 17h | Encontro de Cineclubes da Zona da Mata
19h | Sessão especial - Filmes Made in Mata Norte
20h | Sessão especial - Pedro Osmar, prá liberdade que se conquista
21h30 | Pocket show - Pedro Osmar (Jaguaribe Carne)

15 DE JANEIRO
13H | Lançamento do livro “Direções: relatos do cinema pernambucano contemporâneo” da cineasta Alice Gouveia
14h às 16h | Conversa com Ivan Moraes “O Cinema de Guerrilha na Luta dos Direitos Humanos”

TRACUNHAÉM
Local: Praça Costa Azevedo
17 DE JANEIRO
Do Canavial para o Mundo
18 DE JANEIRO
Do Mundo para o Canavial

LAGOA DO CARRO
Local: Praça Manoel Barbosa
19 DE JANEIRO
Do Canavial para o Mundo
20 DE JANEIRO
Do Mundo para o Canavial

NAZARÉ DA MATA
Local: Assentamento Camarazal
21 DE JANEIRO
13h | Oficina de fotografia com Ernesto Rodrigues
19h | Do Canavial para o Mundo
22 DE JANEIRO
13h | Oficina de fotografia com Ernesto Rodrigues
19h | Do Mundo para o Canavial

VICÊNCIA
Local: Praça Trigueiros
24 DE JANEIRO
19h | Do Canavial para o Mundo
25 DE JANEIRO
19h | Do Mundo para o Canavial

ALIANÇA
Local: Distrito de Upatininga (ao lado da Igreja Católica)
26 DE JANEIRO
19h | Do Canavial para o Mundo
27 DE JANEIRO
19h | Do Mundo para o Canavial

SÃO VICENTE FERRER
Local:  Centro de Pesquisa e Biblioteca Municipal Dr. Aluísio Inojosa – Oficina | Praça Pedro Pereira Guedes - Exibições
28 DE JANEIRO
13h | Oficina de Elaboração de Projetos Audiovisuais
19h | Do Canavial para o Mundo
29 DE JANEIRO
13h | Oficina de Elaboração de Projetos Audiovisuais
19h | Do Canavial para o Mundo.

Assessoria
 
-
-
Todos os direitos reservados à Anderson Pereira. Obtenha prévia autorização para republicação.
-