quinta-feira, 27 de outubro de 2016

Desrespeito aos necessitados: À força, Prefeitura de Goiana manda deter servidores durante arrecadação de donativos

Um grupo de servidores públicos da Prefeitura de Goiana foi conduzido, na manhã desta quarta-feira (26), até a 44ª Delegacia de Polícia por estar utilizando um ônibus público para arrecadar alimentos. Segundo o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Goiana (SINSEPUMG), um ônibus escolar, que encontrava-se sem uso há mais de duas semanas, foi utilizado numa ação de recolhimento de donativos do sindicato, para os servidores que passam por necessidades alimentares, por conta do atraso salarial de dois meses.

"Porém, dois diretores da Secretaria de Educação, não conformados com a ação, denunciaram nossa ação coletiva. O motivo que eles alegam é que o ônibus não pode ser utilizado para estes tipos de finalidades. Para quê então os ônibus públicos do município serviriam? Afinal, estudantes que utilizam-se deste serviço estão sem comparecer as suas unidades de ensino devido ao não funcionamento dos ônibus. A má vontade e o desrespeito da gestão é visível à todos, servidores e população. Um absurdo não podermos continuar com nossa ação diante de tantas pessoas com necessidades alimentares. Fred Gadelha não cumpre com sua obrigação de pagar em dia os servidores do município e ele também não nos deixa sequer ajudar o próximo com uma campanha tão importante como essa. Esse é o reflexo da perseguição e perversidade desse prefeito", criticou Graça Aranha, diretora do SINSEPUMG.

Wilson Menezes - Um dos servidores que tem criticado bastante a gestão do prefeito Fred Gadelha também repudiou o caso durante um vídeo que divulgou em sua rede social. "Isso são uns verdadeiros imbecis, uns canalhas, nem ajudam e nem querem que ajudemos. Afinal, esses comissionados babões do prefeito estão pagando suas contas e comprando comida normalmente, pois estão recebendo seus altos salários. Enquanto isso, alguns servidores públicos efetivos estão passando fome e com várias contas atrasadas", comentou ao Blog do Anderson Pereira. [Confira o vídeo abaixo].

A Polícia Civil, informou que ambas as partes (Sindicato e Prefeitura) já foram ouvidas pelo delegado da cidade. Porém, nada ainda foi resolvido.

Ainda segundo o Sindicato, cerca de oito ônibus estão parados na garagem por falta de manutenção e combustível. Os ônibus foram adquiridos através do Programa Caminho da Escola, do Governo Federal e deveriam transportar estudantes e profissionais da educação da sede e dos distritos de Goiana.

Com informações do Goiana Notícias/BlogdoAndersonPereira

1 Comentários:

Postar um comentário

Os comentários aqui postados expressam a opinião
dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do Blog do Anderson Pereira.

 
-
-
Todos os direitos reservados à Anderson Pereira. Obtenha prévia autorização para republicação.
-