segunda-feira, 25 de abril de 2016

Goiana: Sem salários, funcionários da Usina Santa Tereza deflagram greve

Categoria protesta contra os atrasos de salário

Funcionários da Companhia Agro-Industrial de Goiana (CAIG/Usina Santa Tereza), deflagraram greve na manhã nesta segunda-feira (31), no município de Goiana, na Mata Norte de Pernambuco. Os trabalhadores decidiram iniciar uma greve por tempo indeterminado contra os atrasos de salário.

Segundo informações dos trabalhadores da oficina, a decisão de entrar em greve foi tomada após várias reuniões com a empresa e nenhuma solução. A CAIG estaria devendo os salários desde janeiro de 2016.

"Nossos salários e parte das férias estão atrasados, além de terem sido reduzidos quase pela metade desde janeiro deste ano", disse um funcionário pelo whatsApp do Blog do Anderson Pereira.

11 Comentários:

fabinho dalton disse...

Mais uma empresa em greve desse grupo desumano que não tem nenhum respeito com os funcionários. Vocês estão certos, exijam seus direitos.

VIGILANTE DA AÇÃO...! disse...

Como é que uma empresa desta latitude, fica numa situação deplorável dessa... VERGONHA, MÁ ADMINISTRAÇÃO, ALTOS SALÁRIOS ... LUXURIA LUXURIA...

Amanda disse...

Infelizmente muitos trabalhadores e suas famílias prejudicadas pela péssima administração dos herdeiros do grupo João Santos! Envergonham até a memória do próprio João Santos...

Emanuella Andreia Santos disse...

Todo trabalhador é digno do seu salário. Muito bem ..

Tarcisio Brito Bonfim disse...

Pois é, muitos "chefes" ai só queriam andar de carro bom, ar, som de qualidade, resolover assuntos particulares, serviços terceirizados a rodo, só que agora a fonte secou, alguns estão com a conta gorda enquanto outros sofrem as consequências.

Anônimo disse...

Tudo tem seu tempo determinado... Agradeço por não estar mais passando por esta situação... Há mais 10 anos atrás passei pela mesma situação quando estava trabalhando nesta Empresa que admirei por demais...No tempo em que o senhor João Santos estava à frente de tudo, ele falava:Não quero dever,se o trabalhador fez sua parte,merecidamente terá seu salário.

diogenes lemos compositor disse...

Tão tudo ricos! Não tão nem ai para as empresas!

fabinho dalton disse...

Vou dizer mais,nós da itapessoca já entramos com o pedido de rescisão indireta na justiça e com danos morais. Só depositaram 300 reais na nossa conta hj,corram enquanto é tempo procurem a justiça do trabalho tbm é boa sorte!!!

VIGILANTE DA AÇÃO...! disse...

Foda é pra os vigilantes da CAIG que trabalham a semana toda do mês inteiro e não sabem o que é dinheiro e nem folga, não tem tempo nem de fazerem um trabalho extra pra poder ver o que comer em casa... Horário escravo!! e chefes ainda dando pressão no serviços desses gurreiros, pra poder sair bem na fita isso aew que é foda!!! HUMILHAÇÃO...! HUMILHAÇÃO...! HUMILHAÇÃO...! HUMILHAÇÃO...! HUMILHAÇÃO...! HUMILHAÇÃO...!

Anônimo disse...

VOCÊS ESTÃO MAIS DO QUE CERTOS,MAIS
VOCÊS DEVEM SE UNIR PARA TOMAR AS DECISÕES E QUEM DISSE QUE RICO TEM DÓ DE POBRE, PRINCIPALMENTE DONO DE USINA A MENTALIDADE CONTINUA A MESMA DOS SENHORES DE ENGENHOS, TIRAR O COURO DOS TRABALHADORES HONESTOS PELAS COSTAS.SE NÃO ESTÁ PAGANDO EM DIAS NÃO TEM O DIREITO DE EXIGIR DOS TRABALHADORES.FICA A DICA.

Allison Freitas disse...

Lamentável essa situação que estamos vendo, onde vários pais de famílias lamenta essa falta de administração...

Postar um comentário

Os comentários aqui postados expressam a opinião
dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do Blog do Anderson Pereira.

 
-
-
Todos os direitos reservados à Anderson Pereira. Obtenha prévia autorização para republicação.
-