terça-feira, 1 de março de 2016

Polícia: Quadrilha 'ostentação' é presa por furtos em Pernambuco e na Paraíba


Quadriciclos, carros e até um jet sky foram retirados das residências. Material furtado também era repassado; dono de loja é preso por receptação.

A Polícia Civil de Pernambuco, em ação conjunta com a da Paraíba, prendeu seis pessoas – cinco homens e uma mulher – suspeitas de praticarem furtos em casas de veraneio e residências nos dois estados. Além de vender o que era recolhido, a quadrilha “ostentação” ainda ficava com boa parte do que era furtado para lazer próprio. As prisões ocorreram na quinta-feira (25), em Campina Grande (PB), uma das sedes da quadrilha.

Quadriciclos, carros, equipamentos de som, bicicletas de luxo e até um jet sky foram retirados de residências em Pontas de Pedra, no município de Goiana, Tamandaré, Taquaritinga do Norte, Carpina, Surubim, em Pernambuco, e Pitimbu e Conde, na Paraíba. Ainda está sendo investigada a atuação do grupo em Porto de Galinhas, em Ipojuca, Litoral Sul pernambucano. O valor do material furtado está avaliado em torno de R$ 500 mil. Somente um dos veículos apreendidos, um Camaro vermelho, pode custar até R$ 250 mil.

Os criminosos observavam as vítimas, calculavam as rotinas, arrombavam as casas à noite e furtavam os objetos de valor na surdina. O grupo retornava para a base da quadrilha na cidade de Jacumã (PB) ou para a casa de um dos assaltantes em Campina Grande. A idade exata dos suspeitos não foi informada pela Polícia Civil, mas os agentes afirmaram que eles têm entre 25 e 30 anos.

Os suspeitos ainda mantinham uma loja em Campina Grande para a receptação do resultado dos furtos. O dono e um dos funcionários foram presos por receptação. “O proprietário responderá em liberdade, mas o funcionário segue preso, porque foi pego em flagrante adulterando o chassi de uma moto”, contou o delegado Thiago Uchôa, da Delegacia de Goiana, Mata Norte de Pernambuco. As investigações tiveram início em dezembro de 2015, sendo presididas pelo delegado Thiago Uchôa, titular da 44ª Delegacia de Goiana, com supervisão do 11ª DESEC de Goiana, delegado Pablo de Carvalho.

Todos são suspeitos de envolvimento nos crimes de furto qualificado, organização criminosa e flagrante por receptação. Três estão presos em Goiana e três em Campina Grande. Apenas um está foragido. “Já temos pistas dele, mas não podemos repassar mais informações para não atrapalhar essa captura”, encerrou o delegado.

3 Comentários:

Andre januario de assis Manga rosa disse...

Parabéns a delegado com pouco tempo na cidade conseguiu desarticula essa quadrilha parabéns delegado mostrou pra que veio

Andre januario de assis Manga rosa disse...

Parabéns a delegado com pouco tempo na cidade conseguiu desarticula essa quadrilha parabéns delegado mostrou pra que veio

diogenes lemos compositor disse...

Muito bom delegado! É uma pena que a justiça do nosso pais é muito branda mais valeu a pena.

Postar um comentário

Os comentários aqui postados expressam a opinião
dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do Blog do Anderson Pereira.

 
-
-
Todos os direitos reservados à Anderson Pereira. Obtenha prévia autorização para republicação.
-