segunda-feira, 16 de novembro de 2015

Fred Gadelha vs Jeep: Superintendente da Sudene recebeu o Prefeito de Goiana para discutir empasse

O Superintendente da Sudene, João Paulo Lima e Silva, recebeu no início da manhã desta sexta-feira (13/11), o prefeito do município de Goiana, Fred Gadelha (PTB). O encontro foi uma iniciativa de João Paulo para tentar solucionar um impasse entre a administração municipal e empresa Fiat Chrysler Automobiles (FCA), responsável pela fábrica da Jeep no município. Convite semelhante também foi dirigido à administração da Fiat local.

No início dessa semana, a Sudene foi informada pelo Banco do Brasil da devolução, aos cofres do Fundo de Desenvolvimento do Nordeste (FDNE), do valor de R$ 33,2 milhões referentes parte da sexta parcela do financiamento realizado para construção da fábrica Jeep. “A questão nos preocupou bastante porque não interessa a ninguém que esse dinheiro fique parado. É ruim para Pernambuco”, pontuou João Paulo, no início do encontro. “É importante entender a situação para encontrar a melhor saída”.

A devolução foi causada porque a FCA não apresentou a Certidão Negativa de Débito Municipal. O prefeito Fred Gadelha explicou que empresa teria um débito com o município referente ao IPTU dos anos de 2013, 2014 e 2015. Do outro lado, a empresa pede isenção fiscal argumentando os benefícios que trouxe ao município. “Não se pode fazer uma renúncia de receita dos anos que já passaram. Estamos estudando uma proposta para enviar a câmara municipal, mas o efeito não é retroativo”, pontuou Fred Gadelha. “Estamos conversando e tentando chegar a um acordo”, afirmou o prefeito, justificando que não pode ser irresponsável com a população de Goiana, especialmente em tempos de crise.

O superintendente da Sudene irá conversar com o governador do Estado, Paulo Câmara, para juntos intermediar o conflito e buscar uma solução viável entre o município e a empresa. Enquanto espera o acerto de data para a conversa com a administração da Fiat, o superintendente fará também uma visita oficial acompanhado dos três diretores da Sudene ao município na próxima terça-feira (17/11).

FINANCIAMENTO – A Sudene teve um papel decisivo para a construção da Fábrica da Jeep em Pernambuco. A instituição foi responsável pela liberação do financiamento de R$ 1,9 bilhões, através do FDNE, o que equivale a cerca de 20% montante total utilizado para subir a planta (R$ 10,36 bilhões). Até o momento já foram repassados R$ 1,5 milhões, através do Banco do Brasil, operador da transação.

A Sudene também concedeu financiamentos a empresas do Parque de fornecedores da Jeep. O último foi aprovado na reunião colegiada, realizada nessa quinta-feira (12/11), que irá financiar R$ 39,8 milhões para instalação da empresa Tiberina Automotiva PE – Componentes Metálicos Para Indústria Automotiva, que está erguendo uma unidade fabril de produção de componentes metálicos, também no município de Goiana.

Fonte: Ascom / Sudene

0 Comentários:

Postar um comentário

Os comentários aqui postados expressam a opinião
dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do Blog do Anderson Pereira.

 
-
-
Todos os direitos reservados à Anderson Pereira. Obtenha prévia autorização para republicação.
-