quinta-feira, 19 de novembro de 2015

Enquanto isso nos bastidores da política: Governador defende que Fred Gadelha cumpra compromisso com a Jeep

Paulo Câmara defende que a Prefeitura de Goiana mantenha a isenção de IPTU para a fábrica da Jeep no município, pactuada em 2011, na gestão de Henrique Fenelon. O governador falou sobre o assunto na manhã desta terça-feira (17), durante inauguração da fábrica de componentes eólicos GRI Flanges Brazil, em Suape. Ele afirmou que o Estado não pode interferir, porque se trata de uma questão municipal, mas pediu bom senso para que se estabeleça o diálogo e a situação se resolva. O receio do governador é que o desentendimento repercuta na confiabilidade do Estado na hora de investir.

“O governo não pode interferir porque isso é uma questão municipal. Agora quando se assume um compromisso é importante honrar. O então prefeito à época (Henrique Fenelon) assumiu esse compromisso. A Jeep apostou no cumprimento de todos os protocolos de intenções naquele momento, que determinava as responsabilidades da Jeep, do governo de Pernambuco e da Prefeitura de Goiana. O responsável por isso era o prefeito e chancelou. É um diálogo, é um processo. A gente não pode interferir, mas é preciso deixar muito claro que é muito importante respeitar as regras combinadas, porque isso é parte da confiabilidade de se investir em Pernambuco. Cabe o diálogo e a transparência de todos os atores nesses processo para se cumprir o que está pactuado”, pontua Paulo Câmara.

O entrevero nessa discussão é que a isenção do IPTU está pactuada apenas no protocolo de intenção. Portanto, sem força de lei. Um projeto de Lei deveria ter sido encaminhado à Câmara dos Vereadores de Goiana. Em ano de crise, o atual prefeito, Fred Gadelha, não quer abrir mão do imposto, sobretudo em véspera de eleições municipais. Para a Jeep, o benefício teve um peso tão importante quanto a doação do terreno na decisão pela localização da montadora em Goiana.

JC Negócios/NE10

7 Comentários:

Cidadão Goianense disse...

É O QUE ELE MAIS DESEJA NO MOMENTO RECEBER ESSE IPTU ATRASADO PARA PODER GASTAR NA PROXIMA CAMPANHA. É UMA LASTIMA OS 08 VEREADORES CORRUPTOS NÃO TER APROVADO A CPI. HOJE GOIANA ENCONTRA-SE NA MESMA SITUAÇÃO QUE GRAVATAR ROUBO NA LICITAÇÃO DO LIXO, CONTRATAÇÃO DE 85 CARROS LOCADOS,REFORMA DOS POSTOS DE SAUDE INACABADO ETC. CADE O MINISTÉRIO PUBLICO

Cidadão Goianense disse...

O QUE ELE MAIS DESEJA NO MOMENTO RECEBER ESSE IPTU ATRASADO PARA PODER GASTAR NA PROXIMA CAMPANHA. É UMA LASTIMA OS 08 VEREADORES CORRUPTOS NÃO TER APROVADO A CPI. HOJE GOIANA ENCONTRA-SE NA MESMA SITUAÇÃO QUE GRAVATAR ROUBO NA LICITAÇÃO DO LIXO, CONTRATAÇÃO DE 85 CARROS LOCADOS,REFORMA DOS POSTOS DE SAUDE INACABADO ETC. CADE O MINISTÉRIO PUBLICO

kennedy barbosa disse...

A mesma coisa encontra a cidade aliança prefeito e vereadores corruptos sem pagar aos funcionários mas o prefeito de aliança vive mas viajando do que na prefeitura

kennedy barbosa disse...

A mesma coisa encontra a cidade aliança prefeito e vereadores corruptos sem pagar aos funcionários mas o prefeito de aliança vive mas viajando do que na prefeitura

Unknown disse...

Concordo plenamente com esse cidadão Goianense! :)

Adelmo Santana disse...

que pede com esse impasse e goiana e muito repecute mal para o nosso municpio

Adelmo Santana disse...

isso repecute mal para o nosso municipio

Postar um comentário

Os comentários aqui postados expressam a opinião
dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do Blog do Anderson Pereira.

 
-
-
Todos os direitos reservados à Anderson Pereira. Obtenha prévia autorização para republicação.
-