segunda-feira, 7 de setembro de 2015

Solidariedade: Idoso de 72 anos vive em condição sub-humana e precisa de ajuda

Um ajudante de pedreiro de 72 anos vive em condições sub-humanas num casebre onde mora, próximo do Sítio Frazão, no distrito de Tejucupapo, na zona rural de Goiana. A casa dele está sendo escorada por troncos de madeira após as fortes chuvas dos últimos meses, e o Blog do Anderson Pereira está iniciando uma campanha para arrecadar donativos, como alimentos não perecíveis, roupas e materiais de construção (telhas, areia, cimento ou tijolos) para a reestruturação de seu lar.

A ideia da campanha é promover um pouco de assistência e dignidade ao Sr. José Nilton Justino da Silva, que convive em uma residência com alto risco de desabamento. Por causa da idade e da falta de condições financeiras, o senhor Nilton, que mora sozinho, teme que ocorra uma tragédia, pois a casa está toda rachada há cerca de dois anos. O idoso sobrevive com a ajuda que recebe de vizinhos e amigos. Nilton é cego de um olho e há quatro anos, um dos seus filhos foi embora e o abandonou.

Um internauta do Blog, conhecido popularmente por "Motta Viagens" está recebendo doações para entregar ao idoso. Se alguém puder ajudar a mudar a história do senhor Nilton, qualquer ajuda será bem vinda e poderá ser realizada através do número: (81) 9-9255-6617.

Compartilhe essa campanha para que mais pessoas tenham conhecimento dessa ação solidária e possam ajudar esse humilde senhor, que necessita da ajuda de todos.

3 Comentários:

Liberdade de expressão! disse...

É uma campanha justa, espero que todos ajudem da forma que puder, inclusive irei procurar o responsável para fazer a minha contribuição. Vamos apelar para o pessoal que trabalha com construção para fazer um mutirão. Pois os pedreiros serão indispensáveis.

Marcos Antonio Penha disse...

Isso é uma vergonha sem tamanho, espero que as autoridades competentes o ajudem.

Farreni disse...

Que descaso, quero ajuda-lo de alguma forma!

Postar um comentário

Os comentários aqui postados expressam a opinião
dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do Blog do Anderson Pereira.

 
-
-
Todos os direitos reservados à Anderson Pereira. Obtenha prévia autorização para republicação.
-