terça-feira, 8 de setembro de 2015

Polícia: Traficante foragida da PB há cinco anos é presa pela PM em Goiana


Uma mulher acusada de tráfico de drogas e foragida da Operação Quark, deflagrada há cinco anos no estado da Paraíba, foi presa na madrugada desta segunda-feira (7), no município de Goiana, na Zona da Mata Norte de Pernambuco. Magali da Silva Andrade, de 30 anos, estava foragida da cidade de Sapé-PB desde 2010 e foi encontrada bebendo com quatro amigos, em um estabelecimento comercial no Largo do Alvorada, às margens da Rodovia BR-101. Com eles nada de ilícito foi encontrado, contudo, Magali não possuía documento de identificação e levantou suspeitas na guarnição da PM. Momento que foi realizado uma busca no Sistema Nacional de Informações de Segurança Pública, Prisionais e sobre Drogas (Sinesp) e constatou-se que havia um mandado de prisão em aberto contra ela.

Segundo informações da polícia, Magali, que é considerada de alta periculosidade, era tesoureira de uma quadrilha de narcotraficantes que atuava nos Estados da Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Rondônia. Ela conseguiu fugir das prisões da Operação Quark e se escondeu na cidade de Igarassu, na Região Metropolitana do Recife.

A Operação, desencadeada pelo Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado do Ministério Público da Paraíba (Gaeco) e pela Polícia Civil da Paraíba, prendeu 43 pessoas e apreendeu drogas, armas e munições no dia 13/05/2010.

A prisão de Magali foi realizada por Policiais Militares da 3ª Companhia (GT11311, composta pelo Sd Ozires, Sd Lilianne Marques e Sd Salvino Júnior) com apoio de um policial civil da Delegacia de Homicídios de Goiana.

Magali foi conduzida para o plantão da Delegacia de Polícia de Nazaré da Mata, sendo autuada em flagrante delito e encaminhada para uma unidade prisional na Paraíba, onde permanecerá à disposição da justiça.

2 Comentários:

romildo albuquerque Goiana disse...

valeu menos um traficantes na sociedade

forró plugado disse...

a manhã ela estar na rua rindo da nossa cara!!!

Postar um comentário

Os comentários aqui postados expressam a opinião
dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do Blog do Anderson Pereira.

 
-
-
Todos os direitos reservados à Anderson Pereira. Obtenha prévia autorização para republicação.
-