quarta-feira, 1 de abril de 2015

Denúncia: Motoristas transformam calçada de Convento em estacionamento em Goiana


Apesar dos caóticos problemas vivenciados diariamente no trânsito do município de Goiana, na Mata Norte de Pernambuco, agora os crimes de trânsito também se estendem para as calçadas das igrejas. Internautas do Blog do Anderson Pereira denunciaram através do whatsApp (81.9292.6725), diversos motoristas que estão estacionando seus veículos periodicamente na calçada do Convento e Igreja de Nossa Senhora da Soledade, localizado na Rua da Soledade, no centro da cidade.

"Hoje à noite algo me chamou a atenção ao passar na Rua da Soledade. Me deparei com esse absurdo. Isso pode? Carros estacionados na calçada do Convento da Soledade (Patrimônio Histórico de Goiana). Onde está o Sestrans e a responsabilidade dos motoristas?", criticou uma goianense.

Nas imagens foram registrados quatro veículos, sendo três de passeio e um transporte de passageiros com um adesivo da Igreja Evangélica Assembléia de Deus, que possui uma congregação com estacionamento há cerca de 50 metros dali.

Nem todos sabem, mas estacionar veículos em calçadas, em qualquer circunstância, não é permitido pelo Código de Trânsito Brasileiro (CTB). De acordo com o CTB, estacionar veículos em calçadas tem o mesmo peso de parar em cima da faixa de pedestres e a falta é considerada grave. O motorista está sujeito à multa no valor de R$ 127, além de perder 5 pontos na carteira. O carro também poderá ser removido do local de estacionamento irregular.

De acordo com o secretário de Segurança Cidadã, Trânsito e Transportes Urbanos (Sestrans), Carlos Arroz, uma equipe de agentes de trânsito iniciará as fiscalizações também à noite. "A partir desta quarta (1), teremos uma equipe de agentes de trânsito fiscalizando também à noite, para evitar que esses e outros casos se repitam. O dono do veículo vai ter de pagar a taxa de estadia para recuperar o transporte do depósito. Além disso, a infração rende cinco pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e multa no valor de R$ 127,69", contou.

Ainda segundo Carlos, mesmo aquelas pessoas que estacionam na calçada da própria casa estão cometendo a infração. “A calçada faz parte da via, por isso não pode ser bloqueada. Ela é destinada aos pedestres e quem deixa um veículo no local está atrapalhando a passagem deles”, explicou.

Anexo à Igreja da Soledade, também funciona o Abrigo São José para idosos e uma creche. O conjunto é tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) como Patrimônio Histórico Nacional desde 1938, mas está atualmente com obras inacabadas e abandonadas pelos órgãos públicos.

0 Comentários:

Postar um comentário

Os comentários aqui postados expressam a opinião
dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do Blog do Anderson Pereira.

 
-
-
Todos os direitos reservados à Anderson Pereira. Obtenha prévia autorização para republicação.
-