terça-feira, 31 de março de 2015

Veículos: Jeep Renegade estará nas concessionárias a partir de 10 de abril


Modelo chega com 3 versões de acabamento, 2 de motorização e 3 de câmbio

Recém-saído de Goiana para conquistar a América Latina, o SUV (sigla em inglês para sport utility vehicle) compacto Renegade chega ao mercado mostrando todos os atributos de uma autêntico Jeep. Seja na estrada ou fora dela, o pequeno utilitário mostra que chegou para conquistar o seu lugar ao sol. Apesar de a categoria ser predominantemente urbana, o Renegade não abandona o DNA off-road da marca, encarando, sem dificuldades terrenos acidentados, lama, subidas e descidas íngremes.

Apesar da desenvoltura fora da estrada, a estimativa da montadora é que as versões com tração nas quatro rodas representarão apenas 22% das vendas da linha. O carro-chefe da família, ainda segundo o fabricante, será a versão intermediária Longitude, equipada exclusivamente com câmbio automático, com preço sugerido de R$ 80.990. Além dessa versão, a linha inclui mais duas versões: a Sport, de entrada, com preço de R$ 69.9000, e a Trailhawk, top de linha, comercializada por R$ 116.900.

No lançamento oficial do modelo, realizado na semana passada, a Jeep preparou dois trechos para test drive, misturando trechos em estrada e trilha. No asfalto, o Jeep Renegade avaliado (Trailhawk turbodiesel) mostrou o conforto de um carro-passeio, rodando suave. Fora da estrada, a robustez e disposição de um legítimo todo-terreno, com direito a tração 4x4, 4x4 reduzida, controle de descida e o sistema de controle de tração Select Terrain, que permite ao condutor escolher entre quatro opções diferentes de piso: Auto (automático), Snow (neve), Sand/Mud (areia/lama) e Rock (pedra) - este último exclusivo na versão Trailhawk.

No circuito on-road, montado a partir da Marina da Glória, a versão Longitude mostrou que o Renegade é uma opção a ser considerada, mesmo para quem não faz questão da performance fora da estrada. O nível de conforto e de equipamentos colocam o Jeep urbano em destaque no segmento. Ao todo, são 60 sistemas de segurança oferecidos, entre itens de série e opcionais, com destaque para os sistemas de controle de tração e frenagem, monitoramento de pontos cegos, entre outros.

Desde a versão de entrada, são vários os itens de conforto e comodidade oferecidos, como comandos no volante do sistema de áudio, computador de bordo, sistema de entretenimento com conexão Bluetooth e USB, controle de velocidade de cruzeiro, freio de estacionamento elétrico, sistema multimídia com tela de 5 ou 6,5 polegadas, câmera de ré, retrovisores elétricos e teto solar panorâmico.

MOTORES
Sob o capô, as opções de motores são o 1.8 E-torq de 132 cavalos (cv) de potência máxima (130 cv com gasolina) e o turbodiesel 2.0 de 170 cavalos depotência. As opções de transmissão são a manual de cinco marchas (apenas para a versão de estrada, Sport 1.8 MT5), automática de seis velocidades (Sport 1.8 AT6 e Longitude 1.8 AT6) e automática de nove velocidades, exclusiva das versões a diesel (Sport 2.0 AT9, Longitude 2.0 AT9, e Trailhawk 2.0 AT9).

FolhaPE

0 Comentários:

Postar um comentário

Os comentários aqui postados expressam a opinião
dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do Blog do Anderson Pereira.

 
-
-
Todos os direitos reservados à Anderson Pereira. Obtenha prévia autorização para republicação.
-