domingo, 15 de março de 2015

Tragédia: Policial militar é morto durante perseguição em Ferreiros

Soldado Newton Carlos era casado e deixa dois filhos, de 2 e 4 anos de idade

O Comando Geral da Corporação da Polícia Militar de Pernambuco emitiu nota de pesar devido à morte do soldado Newton Carlos de Andrade Lima, 32 anos, assassinado na noite deste sábado (14), em Ferreiros, na Zona da Mata Norte do Estado. Luto de três dias foi decretado pela corporação. Na madrugada deste domingo (15), os policiais conseguiram efetuar a prisão de um dos participantes no homicídio. Marcelo Lopes da Silva, de 22 anos, é ex-presidiário e confessou participação no crime.


De acordo com a PMPE, o soldado e outros dois policiais da ROCAM do 2° BPM tentavam efetuar a prisão de dois homens suspeitos de portarem armas ilegalmente. Houve uma perseguição entre veículos na subida do Alto Santa Teresinha. Um dos PM's acabou caindo da moto e teve que ser socorrido pelo SAMU. Newton continuou perseguindo os elementos, mas acabou falecendo na área de canavial da rodovia PE-082, no município de Ferreiros, após ser atropelado pelos bandidos, que dirigiam um VW Gol de cor branca, que estava com a placa clonada de uma motocicleta Honda Fan 125 (cor azul e placa KJF-4846/Petrolina-PE).


Marcelo Lopes da Silva Júnior, de 22 anos, foi preso no local, mas o ex-presidiário Nelson Severino Cavalcante da Silva, de 25 anos, conseguiu fugir.

O soldado Tavares Lira fraturou o punho após ter sua motocicleta atingida pelo veículo dos criminosos. Ele foi socorrido para o Hospital Getúlio Vargas (HGV), em Recife. Seu quadro de saúde não é considerado grave. Newton Carlos era casado e deixa dois filhos, de 2 e 4 anos de idade. O sepultamento ocorreu às 16h30 deste domingo (15), no município de Carpina.


Com informações da FolhaPE



Marcelo Lopes da Silva Júnior

FORAGIDO - Nelson Severino

0 Comentários:

Postar um comentário

Os comentários aqui postados expressam a opinião
dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do Blog do Anderson Pereira.

 
-
-
Todos os direitos reservados à Anderson Pereira. Obtenha prévia autorização para republicação.
-