segunda-feira, 8 de dezembro de 2014

Irregularidades: Hemobrás terá que substituir terceirizados por aprovados em concurso

A Empresa Brasileira de Hemoderivados e Biotecnologia (Hemobrás) assumiu o compromisso junto ao Ministério Público Federal (MPF) em Pernambuco de substituir paulatinamente os trabalhadores terceirizados por empregados concursados. A deliberação se deu após assinatura de termo de ajustamento de conduta. O acordo é decorrente de inquérito civil instaurado pelo MPF para apurar possível irregularidade no concurso público da Hemobrás. O responsável pelo caso é o procurador da República Alfredo Gonzaga Falcão Jr.

A Hemobrás contratou funcionários terceirizados para áreas de suporte técnico e administrativo, mesmo com um concurso dentro do prazo de validade que ofereceu vagas para as mesmas áreas. A Hemobrás se comprometeu a fazer a substituição, além de manter os terceirizados por três meses, para que os novos servidores possam ser treinados.

Até 2017, os candidatos aprovados dentro do número de vagas previsto no Edital nº 01/2013 devem ser chamados.

Com informações da FolhaPE

0 Comentários:

Postar um comentário

Os comentários aqui postados expressam a opinião
dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do Blog do Anderson Pereira.

 
-
-
Todos os direitos reservados à Anderson Pereira. Obtenha prévia autorização para republicação.
-