sexta-feira, 7 de novembro de 2014

Operação: PRF prende taxista com meio quilo de maconha em Goiana

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) divulgou, na manhã desta quinta-feira, a prisão de um taxista com meio quilo de maconha. Roberto Lúcio de Almeida Vanderlei, de 50 anos, foi detido na madrugada da terça-feira passada durante a Operação Brasil Integrado, que conta com apoio das polícias civil e federal na realização de barreiras policiais nos pontos estratégicos que dão acesso ao Recife para coibir o tráfico de drogas, armas, sequestros, mercadorias contrabandeadas em Pernambuco.

O suspeito foi abordado no quilômetro um da BR 101 norte em Goiana. Dentro do táxi de placas FFZ-0414 foi encontrada, perto do câmbio da marcha, uma pequena quantidade de maconha e no porta malas, sete pacotes da droga, com peso bruto totalizou 476 g.

O taxista recebeu voz de prisão em flagrante e foi levado para a sede da Polícia Federal no Cais do Apolo, onde foi autuado por tráfico de drogas, com pena que varia de cinco a 15 anos de prisão. Ele foi encaminhado para o Centro de Observação e Triagem Professor Everardo Luna (Cotel), onde ficará à disposição da Justiça Estadual. Além da droga e do veículo taxi, também foi apreendido 01 (um) aparelho celular.

No interrogatório, o suspeito disse que levou uma passageira em João Pessoa e após tê-la deixado no bairro de Ouro Preto, na Paraíba, parou num posto de combustível para abastecer, quando foi abordado por dois indivíduos que lhe ofereceram R$ 100 para que a droga fosse entregue a um traficante no Recife. Ele acrescentou que, por temer represália por parte dos traficantes, teria resolvido aceitar a proposta. A equipe de policiais foi com o taxista a um local de encontro próximo ao Geraldão, na Avenida Mascarenhas de Morais, onde possivelmente os traficantes iriam recepcionar a droga, mas ninguém apareceu.

De acordo com a PF, este é o terceiro episódio deste anos envolvendo taxistas, com seis suspeitos presos e 120,5 kg de maconha apreendidos. O primeiro caso foi no dia 13 de julho, com apreensão de 100 kg de maconha e três, o segundo caso foi no dia 30 de outubro, com apreensão de 20 kg de maconha e dois presos e o terceiro, no dia quatro de outubro, com 500 g de maconha apreendidos e um preso.

DiariodePernambuco

0 Comentários:

Postar um comentário

Os comentários aqui postados expressam a opinião
dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do Blog do Anderson Pereira.

 
-
-
Todos os direitos reservados à Anderson Pereira. Obtenha prévia autorização para republicação.
-